domingo, 14 de dezembro de 2008

Pequenos prazeres simples.

Baseado numa crônica do Paulo Mendes Campos.


Ler crônicas; cheiro de livro novo, cheiro de grama recém-cortada, cheiro da lasanha que tá saido do forno; Ouvir Stairway To Heaven às 3 da manhã, numa quarta-feira de verão, relaxado e olhando pro céu; Relaxar; A palavra utensílio; Piadas internas; Guitarra elétrica, piano, baixo, bateria; Bateria tocada de um modo simples, viradas que usam muito a caixa; Olhares; Mulheres bonitas; Olhares que vêm de mulheres bonitas; Quando uma desconhecida te dá moral; Um maluco no pedaço; Jeans; All-Star; Preto e branco; De volta pro futuro; Futebol bem jogado, dribles do garrincha, gol do zico; Michael Jordan jogando basquete; Qualquer cosia feita com vontade e paixão; Arte; Seios; Aquela voltinha que algumas mulheres têm na cintura; Mulheres que sabem se vestir; Loiras de olhos azuis; Meu mp4; A palavra bansa; Times de futebol da áfrica se enfrentando, mostrando o futebol com paixão qeu o Brasil já teve; O velho estúdio precário da banda; A palavra precário, assim como a palavra escasso; Gambiarras; Usar a chave de fenda; Ver que aquela pessoa com quem se quer falar está online; Mesagem de celular, toquinhos; Perceber que um amigo se parece com um personagem ou celebridade, e as pessoas concordarem com você; Ser elogiado; Ficra conversando até, pelo menos, as três da manhã; Faz parte do meu show, do Cazuza; AC/DC; Aquela bandeira do AC/DC que a torcida do grêmio levava pros estádios; Tirar o primeiro Slap; A primeira namorada; Os peitos da primeira namorada; Compreensão; Vodka; Coca-cola de vidro em dia de verão; Pais que trabalham e deixam a casa livre; Sentar na calçada; Mandar a moral e os bons costumes para a puta que o pariu, de vez em quando; Final da libertadores; Fazer uma piada boa; A estátua do cachorro triste na casa do Peninha; Humor negro; Monty Python; Não assistir Zorra Total; Ver alguém que não gosto se fuder; Ver alguém que eu gosto feliz; Batatas do McDonalds, pizza, ovomaltine; Carros antigos, coisas antigas em geral; LPs; Encontrar um amigo depois de muito tempo e ver que ele continua a mesma merda; Ter uma banda; Ensaiar com sua banda; Um palco; Se imaginar em turnê; Solar Free Bird em uma guitarra imaginária; A música do poderoso chefão; De Volta Pro Futuro; Descobrir Million Dollar Reload e sentir esperança; Sweet Child 'O Mine; O Baixo e a bateria de Rocket Queen; Ouvir uma música desconhecida qeu eu gosto na trilha sonora de um filme; Nirvana; Shows; Budismo; Mulher que cheira bem; Apertar campainha e correr; Matar aula; Descobrir que acordou atrasado para ir pro colégio; Fazer esquemas de cola; Excentricidade; Histórias de bêbados; Ter a coragem de tentar; A palavra "guts"; Amigos reunidos; Coisas de nerd; Músicas que lembram a infância; Dragon Ball Z; Perceber que aidna lembra os nomes dos Pokémons; Beijar sua garota em público; Fazer coisas em locais inoportunos; Fazer loucuras no cinema; Planos; Começo de ano; O começo do inverno; Lareira; Simplicidade; A introdução de Smoke On The Water; Frases do Lemmy Kilmister; O lobo da estepe; Relembrar situações engraçadas, principalmente quando envolvem a pessoa com quem se está falando; Paredes com pixações do Nirvana; Ouvir Bob Marley na praia; Frases e citações; Chocar as pessoas com uma piada má; Havaiana branco de tiras azuis; Amarula; Pastel de queijo; Pão de queijo com café; X-Frango; Fender precisio branco do escudo preto; the Legend Of Zelda e toda sua trilha sonora; Super Nintendo; Back In Black; Primos reunidos; Waccawacca; Gírias do baratão; Piscina; Mulheres bonitas no clube; Olhar fotos antigas dos meus pais; Comprar cds; ter o próprio dinheiro; Viver sozinho.

E, com certa reverência, um dos melhores:
Fazer listas.

3 comentários:

carinagabriele disse...

Eu tinha um amigo que quando eu tava muito triste sempre me aconselhava a fazer uma lista das coisas que me fazem bem, pq no final eu me sentiria melhor. Sempre funcionou. ;)

Gostei muito da sua lista. Gostei da citação do O Lobo da Estepe, principalmente.. hehe =)
Definitivamente, temos muito gostos em comum!
Só não concordei com o a havaiana branca de tira azul. É horrível, meu. heuhauheua

Beeijo.

Jéssica disse...

já disse que tenho medo daqui, não disse?

DreamingHelen disse...

Caralho. Quém é vc? Achei seu blog, eu quis usar o nome. Eu moro em Oregon, EUA. Meu blog é DreamingHelen. Não é tudo que o seu é.